Pisa Trekking Aventura Levada a Sério

Travessia da Serra Fina

Cód.Roteiro:1339

EXPERIÊNCIAS:

  • Trekking

    Trekking

  • |
  • Grandes Expedições

    Grandes Expedições

  • |
5 DIAS E 4 NOITES

Nível de dificuldade:

Valor a partir de:

Sob consulta

Terrestre

A Serra Fina vem se consolidando como uma das principais travessias de montanha no Brasil. E não é por menos, com mais de 2mil metros de desnível acumulado, o ambiente hostil com noites frias e dias quentes aumentam o desafio de transpor suas cristas. Situada na tríplice divisa entre os estados de MG, SP e RJ, sustenta longos trechos de trekking próximos da cota de 2.500m, incluindo a Pedra da Mina, 4° pico mais alto do país com 2.798m de altitude. Suas trilhas são técnicas e seus pontos de acampamento são estrategicamente posicionados nos cumes ou ao seu redor, tendo sempre um visual incrível e diferente a cada dia. No formato de expedição "Leave no Trace", a proposta se torna ainda mais ousada. Planejada com grupos de tamanho reduzido e em caráter autossuficiente, cada participante deve estar apto a manejar e levar seus equipamentos e suprimentos para a permanência na montanha. Mas não se preocupe, todo o cardápio para uma alimentação funcional, logística operacional e tomada de decisão durante a travessia continua sendo um serviço diferenciado oferecido pela nossa equipe de guias. 

Clique aqui e veja mais fotos de Serra Fina!

Pontos de Interesse

- Formato Leave No Trace com grupos de tamanho reduzido e conduta de mínimo impacto;
- Ascenção aos picos Capim Amarelo (2.392m), Pedra da Mina (2.798m) e Três Estrados (2.665m);
- Contemplação das principais cadeias de montanha do entorno: Agulhas Negras e Prateleiras no Parque Nacional do Itatiaia e Pico dos Marins e Itaguaré;
- Vivência de uma autêntica expedição de montanha nas terras altas da Mantiqueira;
- Fornecimento da estrutura completa de acampamento, preparo das refeições, equipamentos e serviço opcional de carregadores;
- Uso preferencial pelos produtos artesanais, de produção familiar, alimentos integrais e orgânicos, serviços e mão de obra local.
 
Aguarde novidades sobre a Temporada de Montanha 2020!
 

Sobre a Trilha

LEAVE NO TRACE 
As expedições no formato LEAVE NO TRACE tem como principal diferencial grupos de tamanho reduzido, planejados especialmente para os destinos mais procurados durante feriados e finais de semana. Além de ser uma estratégia de logística para acessar os atrativos de maior interesse, essa proposta enriquece a troca de experiência entre o grupo e com o próprio guia. Inspirada no conceito traduzido como NÃO DEIXE RASTRO, toda a conduta visa aguçar a autonomia e responsabilidade de cada praticante em áreas remotas e assim, minimizar ao máximo os impactos das atividades humanas em ambientes naturais de extrema relevância para o equilíbrio do ecossistema de montanha.

É necessário estar bem preparado fisicamente, pois essa é uma das travessias mais difíceis do Brasil. Indicamos para pessoas que já praticaram outras travessias com acampamento e com grau de dificuldade elevado. Para realizar a travessia, o participante obrigatoriamente deve estar com ótimo preparo fisico e equipamentos adequados. Você irá carregar sua mochila cargueira com seus equipamentos pessoas, barraca, comida e água. 

Dia a Dia

1° Dia – ORIGEM / ITANHANDU

Recepção na rodoviária de Itanhandu-MG, acomodação em abrigo de montanha com acomodação coletiva e pernoite.
 
Sem refeições inclusas;
Pernoite em Itanhandu. 


2° Dia – ALTO DO CAPIM AMARELO (2.570m)

Café da manhã na pousada e em seguida traslado de aproximadamente 40 minutos até o inicio do trekking na fazenda Toca do Lobo (antigo abrigo dos garimpeiros da região). Cruzaremos um rio e iniciaremos uma longa subida entre arbustos até o alto do espigão. A partir deste ponto, desfrutaremos das magníficas vistas de vales e seu "cartão postal", a dura subida para alcançar o Alto Capim Amarelo, exigindo muito esforço dos trekkers para vencer os quase mil metros de desnível e conquistar seu cume a 2.392m de altitude. Será o primeiro teste antes de adentrarmos pelos imensos vales e cristas mais remotos da Serra da Mantiqueira. Pausa do cume para descanso e recuperar nossas energias com um delicioso lanche de trilha. Todos prontos, seguiremos, por aproximadamente uma hora até chegarmos no Maracanã, um pequeno platô onde montaremos nosso acampamento. Após o pôr do sol, desfrutaremos de um jantar e descansaremos para mais um dia de caminhada.

Distância: 7km / Tempo: 6 à 8h
Ganho acumulado de elevação (GAE): 1.070m
Perda acumulada de elevação (PAE): 320m
 
Café da manhã, lanche de trilha e jantar;
Pernoite em barraca.


3° Dia – PEDRA DA MINA (2.798m)

Depois do café servido, as primeiras horas do dia são dedicadas a subida da crista do Melano, dropando suas cumeadas até chegarmos à base na face oeste da Pedra da Mina, de onde faremos o ataque ao 4° mais alto pico do Brasil com 2.798m de altitude. Do alto de toda a Serra da Mantiqueira teremos o privilégio de contemplar o pôr do sol e visuais de 360° que impressionam pela imensidão do horizonte. A noite é sempre uma experiência gastronômica a parte. Na barraca refeitório todos se juntam como podem para compartilhar uma autêntica comida de montanha feita na hora, com produtos locais e participação de todos. 
 
Distância: 6km / Tempo: 6 à 8h
Ganho acumulado de elevação (GAE): 640m
Perda acumulada de elevação (PAE): 140m
 
Café da manhã, lanche de trilha e jantar;
Pernoite em barraca.


4° Dia – PICO DOS TRÊS ESTADOS (2.665m)

O terceiro dia de trekking tem pela frente a conquista de mais um cume de forte expressão, o Pico dos 3 Estados (2.665m), que reúne três cristas distintas, cada uma vertente para um Estado, fazendo assim uma tríplice fronteira entre MG, SP e RJ. Mas, antes de conquistar o ponto culminante do trecho, faremos uma parada estratégica no topo da crista do Cupim de Boi, de onde se tem visão privilegiada das pitorescas formações rochosas do Parque Nacional do Itatiaia, entre elas a Serra das Prateleiras, o Pico das Agulhas Negras e o Morro do Couto. Conquista do cume, jantar e pernoite. 
 
Distância: 6km / Tempo: 5 à 6h
Ganho acumulado de elevação (GAE): 360m
Perda acumulada de elevação (PAE): 500m
 
Café da manhã, lanche de trilha e jantar;
Pernoite em barraca.


5° Dia - PICO DOS TRÊS ESTADOS / ITANHANDU / ORIGEM

Amanhecer no Pico dos 3 Estados é sempre uma surpresa, exceto pela certeza de fortes correntes de vento que nos despertam para o último dia de travessia. Após o café e desfazer o acampamento, é hora de marchar pelo Alto dos Ivos, sem aclives tão acentuados e longos como os dias anteriores. Ainda sim o trajeto nos reserva muita serra, mata e campos de altitude. O trecho final perde bastante altitude até chegar ao Sitio do Pierre onde o transfer estará a nossa espera. Iremos para uma pousada para banho antes do retorno pra casa.
 
*** Para quem retorna de ônibus recomendamos o último horário (17h40 ou mais tarde).
 
Distância: 10km / Tempo: 8 à 10h
Ganho acumulado de elevação (GAE): 220m
Perda acumulada de elevação (PAE): 1.300m
 
Café da manhã e almoço na trilha;
Sem pernoite incluso.
 
***A programação acima poderá sofrer modificações devido a fatores climáticos, de acesso ou que possam interferir na segurança dos participantes.

 



O que está Incluso

Inclui
- 1 Pernoite em pousada simples em quarto coletivo;
- Transfer in/out montanha;
- Equipamento coletivo de acampamento;
- Barracas duplas ou triplas para pernoite;
- Alimentação integral na montanha (café da manhã, lanche de trilha e jantar);
- Guia local especializado;
- Rastreamento via satélite SPOTGen3;
- Seguro viagem.
 
Não inclui
- Transporte São Paulo / Itanhandu / São Paulo.
- Carregador pessoal 
- Brinde Pisa Trekking
- Despesas de ordem pessoal (bebidas, telefonemas, entre outros);
- Equipamentos pessoais de acampamento;
- Atividades não mencionadas ou opcionais;
- Despesas em caso de desistência do programa;

Checklist

Mochila:
- 1 mochila de 50 à 70L (suficiente para carregar saco de dormir, roupas, lanche, água, acessórios pessoais e para compartir estrutura coletiva de barraca, comida e água)
 
Vestuário:
- Camiseta Dry (secagem rápida) de manga longa ou curta (preferível que sejam sintéticas);
- Blusa de fleece, polartec ou similar para passar a noite;
- Jaqueta Anorak tipo goretex com capuz (resistente a água e vento);
- Calça de trekking (Nylon) ou de Lycra* pra quem preferir;
*Quem optar em caminhar de calça Lycra levar outra de corta vento para passar a noite.
 
Calçados:
- Tênis ou bota de trekking amaciada e com solado aderente.

Acessórios:
- Lanterna pequenas com pilha extra (de preferência de cabeça);
- Recipiente de 4 litros (garrafa de plástico descartável, garrafa Nalgene ou menores com boca larga, bolsas de hidratação tipo "Camelback");
- Meia média ou grossa para caminhadas (de preferência com tecnologia "CoolMax");
- 1 par de luvas de frio;
- Gorro de lã ou polartec.

Outros:
- Medicamentos particulares e materiais de higiene pessoal (de preferência biodegradáveis) em embalagens pequenas;
- Saco de dormir -0° a -05°; (opção de aluguel);
- Isolante térmico; (opção de aluguel);
- Filtro solar para rosto e lábios e repelente contra insetos.
- Prato, talheres e copo. 
 
Sugestão/Opcional:
- Álcool em gel para limpar as mãos;
- Bastão de caminhada (cajado);
- Balaclava;
- Bandana ou EcoHead;
- Polaina;
- Boné e óculos escuro;
- Segunda pele para dormir;
- Toalha pequena;
- Hipoglós ou vaselina para possíveis assaduras;
- Acondicionar toda a roupa em um saco de lixo para proteger caso chova.
- 1 par de tornozeleiras para quem tiver tendência a "virar" o pé;
- Barrinhas de cereal, frutas secas, castanhas, chocolate ou similar para reposição das energias durante a caminhada.
- Deixar roupa limpa no transporte para a volta.
 
Serviços adicionais:
Carregador pessoal: R$ 300,00 a diária. Os carregadores trabalham por dia e levam 20kg de carga contratada. Esse serviço pode ser compartido por mais de uma pessoa. 
Locação de equipamentos: A locação de equipamentos é calculada por dia e por equipamento.
Saco de dormir ou mochila: R$ 35,00
Isolante térmico: R$ 15,00
 
- Tudo deve estar acondicionado em sacos plásticos (para o caso de chuva), com os objetos mais pesados na parte central da mochila, junto às costas (saco de dormir no fundo). O isolante pode ir fixo do lado de fora da mochila

Informações Importantes

Observações

- O cliente deverá ter em sua mochila recipiente de no mínimo 4 litros para carregar sua água de consumo diário.
- Este roteiro é considerado radical, classificado com 4 patas. As atividades de caminhada pedem um ótimo condicionamento físico
- Carregaremos nossas mochilas por todo o trajeto.
- A programação poderá ser modificada a qualquer momento por motivos de condições climáticas ou motivos de segurança que possam comprometer a integridade física do grupo.
- Caso a expedição na montanha seja abortada o cliente arcará com qualquer custo de hospedagem e alimentação na cidade não mencionado no roteiro.
- Caso o cliente se desligue da programação da expedição por motivos pessoais, ele arcará com toda a despesa de transporte, alimentação e hospedagem na cidade.